Resenha - Novembro, 9

sábado, 21 de janeiro de 2017
Titulo: Novembro, 9
Autora: Colleen Hoover
Editora: Galera Record
Nº de páginas: 352
Sinopse: "Autora número 1 da lista do New York Times retorna com uma história de amor inesquecível entre um aspirante a escritor e sua musa improvável.
Fallon conhece Ben, um aspirante a escritor, bem no dia da sua mudança de Los Angeles para Nova York. A química instantânea entre os dois faz com que passem o dia inteiro juntos – a vida atribulada de Fallon se torna uma grande inspiração para o romance que Ben pretende escrever. A mudança de Fallon é inevitável, mas eles prometem se encontrar todo ano, sempre no mesmo dia. Até que Fallon começa a suspeitar que o conto de fadas do qual faz parte pode ser uma fabricação de Ben em nome do enredo perfeito. Será que o relacionamento de Ben com Fallon, e o livro que nasce dele, pode ser considerado uma história de amor mesmo se terminar em corações partidos?"







Desde quando li Métrica, Colleen se tornou uma das minhas autoras preferidas de toda a vida, acho fantástica a maneira que ela consegue abordar assuntos tão sérios com tanta delicadeza, vamos do riso ao choro em instantes, não me lembro de terminar alguma leitura da autora sem estar emocionada, e com esse livro não foi diferente, não foi o melhor livro que li dela, mas definitivamente foi a melhor sacada que ela teve.


 Fallon foi durante muito tempo uma atriz famosa de certo seriado, filha de um ator também bastante conhecido, sua vida sempre foi tremendamente incrível e cercada pela mídia, até o dia em que ela resolveu ir dormir na casa de seu pai, a casa pegou fogo e ele esqueceu que ela estava lá dentro... (Isso não foi spoiler) Fallon tem grande parte de seu corpo queimada, restaram cicatrizes em seu pescoço, seios, braços, rosto, o incêndio do dia 9 de novembro acompanhará ela durante sua vida toda, por conta disso, é uma garota insegura, usa o cabelo para esconder seu rosto, não mantém contato visual e se esconde o quanto pode, mas ela mantém seu sonho de ser atriz, sendo assim, ao completar 18 anos decide que vai para Nova York tentar a vida lá, antes disso marca um almoço com seu pai, esse que carrega a culpa pelo incêndio. É claro que o pai de Fallon não a apoia, ele é um cara extremamente fútil e julga as pessoas pela aparência, acha que por conta das cicatrizes ela não vai conseguir nada, durante o almoço os ânimos são exaltados, Fallon está a ponto de surtar e então surge Ben...                                                                                                                                             
Ben ou Benton, como queira chamar, é um jovem escritor muito talentoso, que não deixa nada escapar de seus olhos, ao ver aquela garota tão bonita sofrendo nas mãos do pai, decide cometer a loucura de fingir que é seu namorado e vai até lá, inventa que estava atrasado e faz companhia,  mesmo assustada Fallon acompanha ele na mentira, porque pela primeira vez na vida seu pai está desconfortável e ela gosta do efeito que Ben causa nele. Logo após o almoço, ambos decidem passar mais um tempo juntos e descobrem uma conexão surreal, podemos sim chamar isso de amor, união cósmica ou qualquer outra coisa, mas Fallon não quer ter nenhum envolvimento sério até os 23 anos, e como ela está de partida, decidem se encontrar todos os dias 9 de novembro dos próximos 5 anos, e assim o livro realmente começa a acontecer. 
 O livro é narrado apenas durante esses encontros, não sabemos o que os dois fazem nesse meio tempo, acompanhamos as descobertas de cada um juntamente com eles e isso muitas vezes me tirou o fôlego. A autora por diversas vezes deu uma reviravolta louca na história e me pegava pensando "Meu Deus a história vai acabar, arruma isso, faz dar certo!" Torcer por personagens é algo emocionante, e me vi torcendo por Ben, um cara simples, observador, LINDO, e muitas vezes injustiçado pelos acontecimentos da vida, ele e Fallon combinam completamente e se fosse eu no lugar de um deles já teria quebrado essa promessa de 5 anos para ficar junto logo (Não que não tenham tentado...) O livro é fascinante, e se você não leu nada de Coolleen, recomendo que comece por ele, por algum motivo que não sou capaz de explicar, quando eu comecei a leitura já sabia do envolvimento de Ben na história como um todo, então o ápice não foi tão emocionante pra mim, mas ainda assim a história me prendeu do início ao fim, nunca li nada parecido e sei que a escrita única de Coollen só mostra quão talentosa ela é.

13 comentários:

Crislane Barbosa disse...

Oi!
Colleen gosto dos livros da autora. Ouvi falar que esse é muito bom e sua resenha só confirma isso ainda mais. Os livros dela sempre são pura emoção. Li "Um Caso Perdido" e o achei lindo demais! <3 Esse com certeza vou amar também.
Beijão!
http://www.lagarota.com.br/
http://www.asmeninasqueleemlivros.com/

Marijleite disse...

Olá, eu ainda não li nada da Collen, mas tenho muita vontade de ler algo da autora.
Novembro 9, apesar da sua ótima resenha, talvez não seja o meu escolhido para começar a conhecer a escrita dela, ainda assim achei a premissa e o fato de os personagens só se encontrarem em uma data determinada bem interessante.

Italo Teixeira disse...

Essa questão toda do acidente por si só já é bastante impactante e chamativa(pelo menos pra mim), fora todo o resto que vai sendo desenvolvido no futuro. Eu mesmo nunca tendo esse livro posso afirmar que tem aspectos bons.

Catharina M. disse...

Oie
aaaaaaah não aguento mais ver resenhas desse livro pois só me fazem querer cada vez mais e to completamente pobre hahaha eu amo a autora e parece ser maravilhoso esse, que bom que é tão fascinante, espero não me decepcionar

beijos
http://realityofbooks.blogspot.com.br/

Dryh Meira disse...

Oiee ^^
Eu fico cada vez mais impressionada com os livros da Colleen, e imagino que as surpresas nunca vão acabar...haha' Gostei de "Novembro, 9" de uma forma que eu não sei bem explicar, a história me tocou e me deixou fascinada pelos personagens, pelos seus sentimentos, suas dores e seus amores. Fiquei chocada com alguns acontecimentos, e apaixonada pelos personagens ♥
MilkMilks ♥
Milkshake de Palavras

Carolina Ramires disse...

Olá!
Eu sou simplesmente apaixonada pela escrita da Colleen e mal posso esperar para ler essa história, que tenho certeza que vai me fazer apaixonar e emocionar, deixando meu coração em cacos ao decorrer da história, como sempre.
Beijos.

Andy Nantes disse...

Oi!
CoHo é diva, né?! Já li todos dela e tenho um carinho enorme por seus títulos, cada um marcou um momento da minha vida então não sei dizer qual o meu livro preferido dela, mas essa mulher se supera a cada obra! Ela tem o dom de transbordar sentimentos na sua escrita e de fazer personagens carismáticos. Já quero que a editora publique mais livros da autora pra ontem!

Abraços,
Andy StarBooks

Livros & Café disse...

Oi.

Li esse livro ano passado e adorei. Não é novidade que amo todos os livros da Colleen e com esse não poderia ser diferente. Gostei muito da narrativa e dos personagens e de como a autora ligou um outro livro a esse. Agora estou esperando com bastante ansiedade o lançamento de outro livro da Colleen pela Galera Record.

No Conforto dos Livros disse...

Olá!! :)

Eu já conhecia este livro mas tinha percebido ainda que se tratava apenas dos encontros sem nada pelo meio.. Essas revelações realmente devem ser capazes de tirar o folego..!!

Bem, eu na lerei porque não faz muito o meu género! Teve uma altura que eu queria ler algo da autora, mas perdi a vontade já..

Boas leituras!! ;)
no-conforto-dos-livros.webnode.com

Catrine Vieira disse...

OOi!
Tenho muita vontade de ler o livro, parece ser maravilhoso e apaixonante e só vejo elogios. Além disso, nunca li nada da autora, e não por falta de vontade. Inclusive, acho que irei começar por esse. :)

Michele Lopez disse...

Olá,
Desde o lançamento que quero fazer a leitura. Gosto muito da escrita da Colleen e como ela consegue me deixar em frangalhos com tantos sentimentos que suas tramas me causam!
A premissa é muito interessante e quero saber mais sobre os encontros de Ben e Fallon e como eles crescem no decorrer do enredo.

LEITURA DESCONTROLADA

Cássia disse...

Ainda não li nada da Collen e fiquei extremamente tentada a comprar este livro desde que conheci a sinopse.
É um livro interessante, com uma história original e que com certeza tem tudo pra emocionar e trazer boas reflexões para os seus leitores.

Priscila Alexandre disse...

Li muitas resenhas boas sobre este livro, o que me fez ficar com muita vontade de lê-lo.

Até hoje só li um livro desta autora e pretendo ler mais dela, pois gostei muito do livro que li.

sua empolgação do livro foi bem divertida na resenha, huahauha!

Abraços!
www.asmeninasqueleemlivros.com

Postar um comentário

 
© Uma dose de Cacto - janeiro/2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Dear Maidy. Tecnologia do Blogger.
imagem-logo