RESENHA O problema do para sempre

quinta-feira, 18 de janeiro de 2018
Título: O problema do para sempre
Autora: Jennifer L. Armentrout
Editora: Galera Record
Nº de Páginas: 392
Sinopse: "Mallory viveu muito tempo em silêncio. Mas o destino lhe reserva um novo desafio. E ela percebe que está na hora de encontrar a própria voz 
Já na infância, Mallory Dodge percebeu que só poderia sobreviver se ficasse calada. Teve que aprender a ficar o mais quieta possível. Aprendeu a passar despercebida. A se esconder. Mas agora, após ter sido adotada por pais amorosos e dedicados, ela precisa enfrentar um novo desafio: sobreviver ao último ano do Ensino Médio numa escola de verdade. O que Mallory não imaginava é que logo no primeiro dia de aula daria de cara com um velho amigo que não via desde criança, quando viviam juntos no abrigo. E começa a notar que não é a única que guarda cicatrizes do passado, além de uma paixão adormecida e inevitável."


*Livro cedido em parceria com a editora



 O problema do para sempre surgiu com uma proposta interessante, eu estava com as expectativas lá no alto e me decepcionei um pouquinho, mas a culpa foi toda minha, eu esperava algo que me deixaria de queixo caído mas no final foi um livro direto, onde o que você lê na sinopse é o que realmente vai acontecer, sem muitas surpresas, só um ou outro acontecimento que pode machucar o seu coraçãozinho(achou que não ia ter bad? Logo eu, o drama em vida haha).
 Mallory sempre estudou em casa, ela teve uma infância horrível passando de um lar adotivo pra outro, sempre sofrendo maus tratos, seu único defensor era Rider, um verdadeiro irmão que sempre a salvou de tudo e todos, ele era o testa de ferro em todas as situações, muitas vezes apanhava para que Mallory não levasse a culpa. Após um problema grave envolvendo o lar que viviam, Mall e Rider foram afastados, ela felizmente foi adotada por um casal maravilhoso e bastante protetor, mas Mall não vai esquecer tão fácil tudo o que passou, ela aprendeu que a melhor maneira de viver é calada, ela não fala, simples assim, ficar quieta é muito mais seguro. Ela também nunca mais teve notícias de Rider mas em seu primeiro dia de aula no ensino médio, ela vai ter uma surpresa que vai mudar o rumo de seu futuro, Rider está em sua turma de oratória, não sabemos ainda se é para ajudar a se comunicar com o mundo, ou deixá-la ainda mais quieta.




 Eu sou muito quietinha e me identifiquei com Mallory, ela pensa muito antes de falar, não gosta de ser desnecessária, dá pra contar nos dedos as vezes que ela iniciou um diálogo no livro, dessa forma, durante a leitura o que acompanhamos em grande parte são os seus pensamentos.
 Já Rider não teve tanto sorte quanto ela, ele continua em um lar provisório, mas dessa vez com pessoas boas, os garotos dessa nova família consideram ele um verdadeiro irmão e o respeitam demais.
 A grande sacada do livro é como Mall sai dessa figura frágil de garota abandonada e se torna uma grande mulher, finalmente com voz. Acompanhar seus conflitos internos durante a aula de oratória ou para responder alguém é entrar na mente de alguém que sofreu abusos psicológicos sérios e que deixaram cicatrizes profundas.
 Pra ser sincera eu gostei da obra, ela foi fiel ao que prometia, foi uma boa leitura, só não me surpreendeu tanto quanto eu esperava, o único ponto alto que me tirou o fôlego foi quase no final e confesso que fiquei chorosa... Mas surpreendente mesmo foi ver a força da protagonista, isso sim fez todo o diferencial na leitura! A edição é maravilhosa, esse detalhe da rachadura é em alto relevo e tem muito significando na história, assim como essa pelúcia fofa. 


"Mas ele não pode estar lá para sempre. Então, chegará a hora em que você não vai conseguir lidar com nada, não vai poder se defender, e ele não estará por perto. Você vai cair, e ele vai ficar juntando os pedaços, se culpando. É assim que funciona. É assim que sempre funcionará entre vocês dois.”

8 comentários:

Jessie disse...

Oi!

Tudo bem? Então, eu já ouvi falar desse livro tinha achado a premissa bem interessante, sem falar que o título despertou a minha curiosidade para saber qual é o problema do para sempre na visão da autora.

Eu amei saber que a personagem tem essa evolução incrível durante a narrativa e que termina sendo uma mulher forte. Gosto muito quando o livro toma esse rumo, acho que a protagonista me cativa bem mais.

Beijinhos
www.paraisoliterario.com

Cabine de Leitura disse...

Eu que fiquei de queixo caído agora. Acredita que nunca li uma resenha falando isso deste livro. Mas eu nunca, nunca leio sinopse, justamente por falar o que vai acontecer.
Confesso que não curto muito enredos que ficam nos devaneos do protagonista, acho que diálogos dão fluidez ao livro. Se tiver a oportunidade de ler quero ler sim, conferir essa evolução da Mall.

Beijos.
https://cabinedeleitura0.blogspot.com/

Dayhara Martins disse...

Oie migo! Esse livro tem uma capa tão bonita! Eu sou apaixonada pelo Rude, mocinho desse livro, ele é tão maduro, é o tipo de pessoa que abre mão da sua felicidade por outra pessoa, é sensacional. Mas infelizmente a leitura não teve nada de noooooossa.

Antonia Isadora de Araújo Rodrigues disse...

Olá!!!
Eu amei a sinopse do livro e o enredo que a história vai construindo, apesar de ser fiel ao que se diz na sinopse achei super interessante e esse quote deu aquele tapa na cara sabe??
Eu não conhecia a autora, mas a obra chamou muita minha atenção e a personagem também pois dar pra perceber que ela dar uma amadurecida no decorrer que a história é contada.

lereliterario.blogspot.com

Book Obsession disse...

Olá!
Estou com esse livro pra ler. Adoro a escrita da autora e fico contente dele pelo menos cumprir a proposta. Os temas abordados e conflitos pessoais sempre me atraem pra leitura e espero curtir.
Beijos!

Camila de Moraes.

Vitória Zavattieri disse...

Ooi,
Eu vi a capa desse livro no insta esses dias e fiquei super curiosa! Mas na hora achei que podia ser um romance... Ledo engano! Achei a premissa muito interessante, gosto de livros com protagonistas fortes e principalmente com mulheres que crescem e ganham voz. Adorei a dica!

Corujas de Biblioteca

Maria Luíza Lelis disse...

Oi, tudo bem?
Eu estou louca para ler esse livro e o meu exemplar finalmente chegou, então, poderei fazer isso em breve.
Uma pena que o livro não tenha te surpreendido e, consequentemente, tenha te decepcionado um pouco. Mas fiquei feliz de saber que ainda foi uma boa leitura e fiquei curiosa para ver essa mudança na protagonista e ela ganhando mais voz durante a livro.
Adorei a resenha e espero ler em breve.
Beijos!

Carolina Fernandes disse...

Oiii
É terrível quando colocamos expectativas demais em uma leitura né? Mas que bom que ao finalizar acabou gostando do todo. Gosto de livros chorosos, e apesar da sinopse "conta tudo" parece ser uma história gostosa de acompanhar.

Vícios e Literatura

Postar um comentário

 
© Uma dose de Cacto - janeiro/2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Dear Maidy. Tecnologia do Blogger.
imagem-logo