RESENHA Maresi

quinta-feira, 5 de abril de 2018
Título: Maresi
Autora: Maria Turtschaninoff
Editora: Morro Branco
Nº de páginas: 200 páginas
Sinopse: "Uma história sobre amizade e sobrevivência, magia e encantamento, beleza e terror. Maresi chegou à Abadia Vermelha quando tinha 13 anos, durante o Inverno da Fome. Antes disso, só ouvira rumores e fábulas sobre o lugar. Em um mundo onde garotas são proibidas de estudar ou seguir seus próprios sonhos, uma ilha habitada apenas por mulheres soava como uma fantasia incrível. Agora Maresi vive ali e sabe que é real. Ela está segura. Tudo muda quando Jai, com seus cabelos emaranhados, cicatrizes e roupas sujas, chega em um navio. Ela fugia da crueldade e dos perigos escondidos em sua terra natal – mas os homens que a perseguem não vão parar por nada, até encontrá-la. Agora as mulheres e meninas da Abadia Vermelha terão que usar seus poderes e conhecimento ancestral para combater as forças que desejam destruí-las. E Maresi, assombrada por seus próprios pesadelos, deve confrontar seus mais profundos e terríveis medos."

*Livro cedido em parceria


 Esse foi o meu primeiro contato com a editora Morro Branco, se eu gostei? Li Maresi em algumas horas, em seguida li Kindred e logo sai a resenha de De volta para casa, então o que você acha?
 Que livro sensacional, que trama! Eu sinceramente não sei por onde começar, tem tanta mulher incrível nessa história que quase soa injusto não mencionar todas as habitantes dessa ilha.
 Pra começar, a Ilha de Menos, onde se localiza a Abadia Vermelha só pode ser habitada por mulheres, homens chegam até ao porto somente, para realizar trocas de alimentos e trazer novas garotas, o homem que ousar pisar os pés na ilha é severamente punido por forças que ninguém é capaz de explicar. Há um clima muito oculto e misterioso em relação a esse lugar, todos respeitam muito essas mulheres, pessoas de lugares distante as veem como lenda, mas se tem uma coisa que essas mulheres são, é reais, são mulheres de fibra e que não vacilam quando o medo encara elas de frente.



 A história é narrada por Maresi, uma das garotas acolhidas pelas mulheres da ilha, fica claro no decorrer da leitura como essa união feminina é forte e elas buscam o poder por meio do conhecimento, esse é um dos pontos mais latentes da história e que é visto como um dos pilares dessa Abadia para que de fato ela funcione. Tudo é relativamente tranquilo na ilha, as garotas recebem ensinamentos por todo lado, todas se ajudam nas tarefas, mas quando uma garota nova chega, tudo muda de rumo. Jai é uma garota calada, chegou muito debilitada e tem uma história que ninguém sabe. Ela foi acolhida pelas mulheres da ilha porque fugiu de seu pai, um homem altamente cruel e que foi capaz de coisas baixíssimas com sua irmã. No entanto, ela não é de falar muito, sabemos que há um trauma e acima de tudo um temor, mas Jai fala pouco. 
 Acontece que seu pai nem os homens que o acompanham querem deixar a garota em paz, a honra da família foi manchada e ele deseja vingar. Com isso, toda a ilha está ameaçada, aqui vale o ditado "Mexeu com uma, mexeu com todas" todas as mulheres da ilha irão lutar não somente para salvar Jai, como também para entender como a magia irá caminhar com elas a partir daquele momento. Eu subestimei o elemento fantástico desse livro e levei um grande soco na cara! Ele estava ali, quietinho, aparecendo uma vez ou outra, reverberando na história, mas quando apareceu... Mostrou porque merecia espaço.
 Eu realmente não quero dar spoiler sobre esse livro, ele é só o primeiro de uma série maravilhosa mas o primeiro contato com a escrita da autora não poderia ter sido melhor. Maria conseguiu construir um mundo fantástico em 200 páginas, colocou mulheres fortes e no decorrer da história reforçou a importância da literatura. Sem contar essa espécie de hierarquia que sabe dar lugar ao novo, sabe respeitar o espaço e a importância de cada mulher naquele local, até as crianças são empoderadas! É lindo demais. 
 Me senti confortável fazendo essa leitura, me senti acolhida, e acima de tudo entendi como a sororidade é importante, mulheres unidas são fortes, movem mares, literalmente. Esse é só o primeiro livro! Ele terminou muito bem fechadinho, tudo foi bem solucionado e ainda deixou um baita gostinho de quero mais. 



A ilha tinha cheiro de mel e de sereno enquanto subíamos o caminho pela encosta da montanha e eu me lembro de pensar que nunca poderia ter sonhado com tal lugar quando vivia no vilarejo. Um lugar com calor e alimento e conhecimento. A vida em Rovas era como uma caverna onde ninguém tem ideia do mundo exterior e a escuridão fria da caverna é tudo que todos conhecem. Vir para a Abadia e aprender a ler foi como abrir uma grande janela e ser inundada de luz e calor.




29 comentários:

Helana Ohara disse...

Que livro maravilhoso. Narrado por uma garota e recheado de mulheres maravilhosas. Adorei a capa do livr e claro a história de Maresi é ótima de acompanhar

Karini Couto disse...

Esperando o meu exemplar chegar ansiosa..
Louca para ler esse!
Beijos. Fiquei mais animada depois da sua resenha.

www.alempaginas.com

Viviane Dutra disse...

Oi Day, eu não conhecia o livro, mas conheço a fama da editora de publicar estórias maravilhosas. Esse livro é bem diferente de tudo que já li, e como gosto de personagens femininas fortes, corajosas e decididas, tenho certeza que vou amar lê-lo. Tua resenha me deixou muito curiosa, principalmente quando mencionou a surpresa fantástica, adoro quando tem uma coisa que está na nossa cara e só num determinado momento, descobrimos. Dica anotada, entrou para os desejados.
Bjos
Vivi
http://duaslivreiras.blogspot.com.br/

O Que Tem Na Nossa Estante disse...

Infelizmente, nunca li nada da Morro Branco, mas eles tem edições lindíssimas! Quanto a obra, desconhecia, mas além da trama bem interessante, curti a união feminina! Gostei da dica!

Bjs, Mi

O que tem na nossa estante

Camila disse...

Ainda não tive a chance de ler nenhum livro da Morro Branco, mas só escuto elogios sobre o ótimo trabalho de edição que eles vem fazendo!
Esse livro parece ser ótimo e quem sabe consigo conhecer a editora por ele!
Beijos
Camis - blog Leitora Compulsiva

Thainá Christine disse...

Só de saber que tem uma ilha onde habitam apenas mulheres isso por si só já me deixa com grande curiosidade para ingressar nesse mundo. O enredo todo parece fantástico, e saber que há tantas personagens femininas fortes e empoderadas me faz ter ainda mais vontade de conhecê-las imediatamente. Infelizmente eu não sou muito de ler sagas, gosto de livros físicos e com histórias fechadas, sem abertura para mais de uma interpretação. Mas, tentarei pensar com carinho se faço ou não essa leitura. Parece valer muito a pena.

www.sonhandoatravesdepalavras.com.br

Beatriz Andrade disse...

Que resenha mais empolgante! Eu já conhecia o livro, mas sabia pouco sobre ele e adorei poder conhecer um pouco mais sobre a trama através da tua resenha. Fiquei muito curiosa para ler também.

Aline M. Oliveira disse...

Oi! Que edição linda! E que história interessante! Adorei o fato da ilha ser habitada somente por mulheres e gostei desse mistério que ronda o lugar e os ensinamentos. As mulheres que se ajudam mutualmente, e crescem juntas! Amei saber que há um elemento fantástico na história! Amei!


Bjoxx – www.stalker-literaria.com

Bruna Costabeber disse...

Hey,
Li Maresi assim que recebi meu exemplar e amei completamente a história e os personagens. O que mais gostei nele foi o "mexeu com uma, mexeu com todas". Eu sinceramente ainda não sei como escrever a resenha sem dar spoiler e ressaltando a importância dessa história.
Amei sua resenha!
Beijos

Jessie disse...

Oi Day!

Tudo bem? Eu vi a Bruna do Um Oceano de Histórias comentando outro dia no Instagram que estava amando a leitura de Maresi e fiquei bastante curiosa sobre o enredo sabe.

Realmente o que mais me chamou atenção no comentário da Bru foi o fato de ter mulheres bem fortes na trama e pelo visto você concorda com ela né? O fato de ela ter conseguido criar um mundo que parece incrível em 200 páginas, como você disse, me deixou ainda mais animada. Parece não haver tempo para enrolação na trama. Estou ainda mais curiosa para ler Maresi depois da sua resenha.

Beijinhos
www.paraisoliterario.com

Book Obsession disse...

Olá!
Não conhecia essa história e achei incrível. Parece ser uma trama forte e com um empoderamento feminino bem legal.
Tenho curiosidade com o catálogo da editora e seria uma boa opção pra conhecê-la.
Beijos!

Camila de Moraes.

Carol Mendes disse...

Ainda não tive a oportunidade de ler nada da Morro Branco, mas quero muito mudar isso, mas esse livro não me chamou muito minha atenção, embora sua resenha tenha sido ótima e você gostou tanto, mas quero ler outros livros dele.
Valeu pela dica!

Virando Amor

Pollyanna Reis disse...

Que livro é esse meu povo. Uma ilha só com mulheres, mulheres fortes! Já quero saber tudo que acontece depois da chegada da nova garota. Confesso que quando vi a capa do livro, fiquei meio desinteressada, mais depois de ler sua resenha, isso mudou totalmente. Obrigada pela dica. Anotada!
Bjos

www.momentosdeleitura.com

Sophia Merkauth disse...

Oi, tudo bem?
Não conhecia o livro e fiquei interessada na leitura, sua resenha é encantadora, linda mesmo! Adorei a dica e já anotei. Achei a temática diferente do que costumo ler e estou bem curiosa sobre ele! Parabéns pela resenha!
http://colecionandoromances.blogspot.com.br/

MISS - Menina Irreverente, Sabida e Socrática disse...

Opa! Estava louca para saber se a editora trazia livros com conteúdos relevantes mesmo.
Que bom que suas impressões foram boas.
E quanto ao livro... Juro que eu já tinha pensado em algo desse tipo... Em como seria um mundo ou um universo ou outra dimensão só com mulheres.
Portanto, eu já me identifiquei com o livro.
Dica mega anotada!
Obrigadão!
Beijos!

Eliziane Dias

Laneeh Martins disse...

Olá, tudo bem?

Não conhecia a obra e nem a autora. Mas gostei da premissa. Saber que tem mulheres fortes e determinadas é bem legal. Fiquei com vontade ler essa obra.

Beijos

Maria Valéria - Torpor Niilista disse...

olá... que capa maravilhosa é essa? sen ooor *--*
fiquei curiosa com a premissa dele... certamente é uma leitura que necessita ser realizada, adoro livros com mulheres de personalidade marcante...bjs ^^

Ana Caroline Santos disse...

Olá, tudo bem? Esse livro está entre meus desejados desde que a editora anunciou o lançamento, e a cada resenha elogiando ele fico com mais expectativas. Espero poder ler em breve, até porque série o que amo haha Ótima resenha e fotos <3
Beijos,
http://diariasleituras.blogspot.com.br

Laura Brand disse...

Antes de mais nada queria dizer que estou apaixonada por essa capa! Que arte mais lindaaaa! Um livro com uma capa linda já me ganha de primeira ahaha Me senti curiosa para conferir a história, sua resenha me deixou encantada e adorei o fato do livro tratar de sororidade <3

Luna disse...

Eu vou à falência, já sei!kkkkkkkk... Porque quase todas as resenhas que li hoje me fizeram adicionar mais um livro a minha lista de futuras leituras do Skoob. Com este não foi diferente, claro! Já quero ler a história!

Pensando aqui creio que nunca li nada da editora Morro Branco e acho que essa será minha primeira experiência. :D

Nunca li uma história como essa das crônicas da Abadia Vermelha e fiquei bem interessada por saber como se desenvolverá a história dessas mulheres que se unem para se proteger de um mundo machista, de pessoas que querem apenas prejudicá-las. O elemento mágico é o que menos me interessou no livro, quero lê-lo por todo o resto.

Bjs!

Atraentemente Evandro disse...

Embora já tenha ouvido falar da editora e até dado uma olhada no catálogo deles, ainda não tive a oportunidade de ler nenhum livro. Diante das suas considerações sobre o enredo fiquei bastante curioso, pois parece ser uma trama bastante interessante. Acho bom que mesmo sendo uma série, o livro tenha seu desfecho bem desenvolvido e ao mesmo tempo deixe curiosidade para o próximo volume.

*☆* Atraentemente *☆*

Thayenne Carter disse...

Olá,

Tenho visto essa capa em vários instas, porém não sabia do que a história se tratava. Nossa, como fiquei feliz com essa história, estou muito animada para fazer esssa leitura, espero gostar muito. Além disso, o que me intriga é o porquê de os homens não poderem entrar na ilha.

Beijos,
oculoselivrosblog.blogspot.com.br/

Ivi Campos disse...

Eu não conhecia o livro e nem a autora e achei a premissa bem original. Faz tempo que não leio um livor neste tipo de cenário e fiquei bem curiosa.
beijos

Jennifer Silva disse...

Uau, que livro incrível! Eu já tinha visto essa capa, mas não sabia do que se tratava a história, me surpreendi com o enredo e fiquei bastante curiosa para conferir essa obra. Achei muito legal ter essa união entre as mulheres da ilha, e estou ansiosa para conhecer a escrita dessa autora. A sua resenha está incrível, dica anotada com certeza. Bjss!

Livros & Tal disse...

Oie!
Uau que história incrível! Confesso que não conhecia o livro, mas fiquei impressionada com a sua história e a sua mensagem! O empoderamento feminino está em alta, graças a Deus e espero que se mantenha.

Dica anotada!

beijos,
Mayara

Anelise Besson disse...

Oie!

A Editora Morro Branco tem lançado cada coisa incrível né? É uma história melhor que a outra. Eu estou louca para ler esse livro, principalmente por causa das mulheres dele, me falaram e você também ressaltou tão bem as coisas boas desse livro, que eu não vejo a hora de ler! Amo empoderamento feminino!! aaaa, quero ler logo!


beijos

Pollyanna Campos disse...

Olá, tudo bom?
É possível nunca ter lido um livro e ainda se apaixonar por ele? Se for, estou completamente apaixonada por esse livro, só por ter lido sua resenha. Amo obras empoderadas e essa parece o tipo de obra que trás a importância da sororidade, como você mesma disse. Amei essa mensagem sobre a importância da união das mulheres e do respeito. Amei todo esse empoderamento. Espero poder ler esse livro em breve ♥
Beijos!

Tamires Marins disse...

Oi, Day

É, acho que você gostou mesmo dos livros da editora! Hahaha
Nunca tinha ouvido falar desse livro até agora e amiga, já quero! Que babado esse enredo! Fiquei cheia de perguntas!!! Por que só mulheres vivem na ilha? O que houve com Jil? Que elemento fantástico é esse?
Adorei também termos mulheres empoderadas e sororidade nessa história, quero ler real!

Beijos
- Tami
https://www.meuepilogo.com

Laura Militão disse...

Até hoje não tive a oportunidade de ler nada da Morro Branco. Eles tem muitos livros que parecem maravilhosos, mas dos livros da editora acho que esse não seria um que eu leria. Nem a capa, nem a sinopse e nem a resenha conseguiram chamar minha atenção. Não é meu tipo de leitura, então vou passar a dica.
Beijos. Versos da Alma

Postar um comentário

 
© Uma dose de Cacto - janeiro/2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Dear Maidy. Tecnologia do Blogger.
imagem-logo