RESENHA Tudo aquilo que nos separa

segunda-feira, 15 de outubro de 2018
Título: Tudo aquilo que nos separa
Autora: Rosie Walsh
Editora: Grupo editorial Record
Nº de Páginas: 336
Sinopse: "Imagine a seguinte situação: você conhece um homem, vocês passam sete dias maravilhosos juntos, e você fica apaixonada. E o que é melhor: o sentimento é recíproco. Você nunca teve tanta certeza de algo na vida. Então, quando ele parte numa viagem de férias agendada há muito tempo e promete te ligar para o aeroporto, você não tem nenhum motivo para duvidar disso. Mas ele não liga. Seus amigos dizem que você deve desencanar, que deve esquecer o cara, mas você sabe que eles estão errados. Eles não sabem de nada. Algo de ruim deve ter acontecido, deve haver um motivo sério para explicar o silêncio dele.  O que você faz quando finalmente descobre que tem razão? Que existe um motivo ― e que esse motivo é a única coisa que vocês não compartilharam um com o outro? A verdade."
*Exemplar cedido em parceria com a editora. 




 Tudo aquilo que nos separa é um livro extremamente envolvente. A história entre Sarah e Eddie é um romance recheado de muitas emoções, recebemos um kit especial na caixinha VIB, com a prova antecipada do livro e quando vimos a caixa de lencinhos no kit, a certeza era uma só: esse é um livro pra se emocionar. Durante toda a leitura só consegui pensar em como essa é uma obra que fala sobre como devemos respeitar o nosso tempo, e as adversidades criadas pelo destino, egoísmo é querer tudo pra agora, o amor não funciona assim.




 Sarah, uma “jovem” de 40 anos, há dezenove anos atrás viveu uma grande tragédia em sua vida, vindo a passar por muitos constrangimentos na cidade após um acidente de carro no qual Alex, melhor amiga de sua irmã Hannah, morre. Devido ao acidente de carro, o qual Sarah estava dirigindo, ela vê sua vida sendo tirada dos trilhos. Sarah decide se mudar da Inglaterra para os Estados Unidos por causa do trauma da morte de Alex e fica na casa de seu amigo Tommy. Nos Estados Unidos, Sarah se casa com Reuben e eles fazem um trabalho de terapia com pacientes terminais, eles se vestem de palhaços, cantam, dançam para tornar os dias daquelas crianças mais leve, é um trabalho lindo de se ver e a maneira como a nossa protagonista lida com um tema tão sério, é um outro olhar, totalmente otimista sobre o assunto.
 Todo aniversário do acidente ela volta para a casa de seus pais, na Inglaterra, porém dessa vez tudo será diferente, seus pais precisam viajar pois seu avô esta doente e Sarah fica sozinha na casa onde viveu com sua irmã Hannah, com a qual não conversa desde o acidente. Sarah está divorciada e precisa de um tempo para arejar as ideias, em uma tarde sai para correr na rodovia quando encontra um rapaz que está resgatando um carneiro, eles conversam e ele convida ela para tomar uma bebida. Já devem imaginar o resultado, certo? O casal inusitado acaba vivendo um romance de 7 dias e estão muito felizes, mas Sarah precisa voltar para sua vida agitada no trabalho com compromissos e viagens assim como Eddie.
 A comunicação entre eles fica complicada pois Sarah telefona, manda mensagens, mas Eddie não retorna, a impressão que temos é que ele foi aquele típico personagem que se aproveitou da situação e nunca mais voltou. Acontece que Sarah é insistente, não aceita que um rapaz que despertou sentimentos tão genuínos nela, de fato seja um enganador que nunca mais vai retornar para a sua vida, sendo assim ela faz de tudo para saber o que houve e o porque Eddie não dá notícias. Esse é um romance com misto de mistério, o tempo todo estamos no papel de Sarah, tentando descobrir o que aconteceu, porque uma relação que parecia ter tudo pra dar certo, sofreu um término tão abrupto por apenas uma das partes, o que de fato aconteceu? Eddie é realmente um desses caras que nunca mais vai ligar? O que Sarah fez? Qual a sua parcela de culpa? Durante toda a história, cogitei muitas coisas mas não cheguei nem perto de acertar, de verdade, e isso foi o melhor de tudo.
 O desfecho desse livro é surpreendente, cheio de revelações, reconciliações e recomeços. Essa é uma história sobre o tempo, e como ele é dono de nosso destino e não o contrário. Com certeza Tudo aquilo que nos separa entrou para a lista daqueles livros que aquecem o nosso coração.


"Como é possível passarmos semanas, meses, até anos, apenas empurrando a vida, sem nada acontecer, e de repente, no intervalo de algumas horas, o roteiro de nossa existência ser completamente reescrito?"



27 comentários:

Helana Ohara disse...

Eu to doida para ler!
É um livro que quando li a sinopse a primeira vez pensei "cara preciso saber o que acontece com ele" se volta, se some mesmo, se ele é coisa da cabeça dela..
Eu na pele da protagonista teria chutado o balde, sério, do jeito que sou azarada jamais iria ser tão insistente a ponto de achar que aconteceu algo com ele sabe?
Por isso quero ler.

Amilton Júnior disse...

Que obra maravilhosa e com um mistério ainda melhor! Quando nós entregamos de verdade compartilhamos cada sentimento e só escondemos algum segredo se ele for realmente trágico. O que essa história reserva de surpresa?
Ótima sugestão!
Abraços! 😊

Jéssica Martins disse...

Oi, Dayhara! :D
Desde que vi esse livro pela primeira vez, fiquei impressionada pela premissa. Geralmente histórias românticas não são meu foco de atenção, mas este é completamente diferente, pois há um mistério e deve ser muito difícil se sentir na posição da Sarah, pois a tendência que eu teria seria a de pensar o mesmo que os amigos dela que dizem para ela deixar o assunto de lado. Sua resenha me deixou ainda mais intrigada sobre esse mistério que envolve o Eddie. Espero poder ler esse livro. Beijos!

Jéssica Martins
castelodoimaginario.blogspot.com

Book Obsession disse...

Olá!
Esse livro está na minha lista de leituras. A cada resenha me apaixono mais pela premissa. Parece ser bem instigante e repleto de dramas e com um toque de mistério por causa do Eddie.
Estou muito curiosa e tenho a impressão de ser um livro que também emociona.
Beijos!

Camila de Moraes

Clayci disse...

Quando vi fotos da caixinhas que vcs parceiros receberam, fiquei curiosa por causa da caixa de lenços. E lendo sua resenha, mesmo sem spoilers, fiquei mais curiosa para saber o desfecho. De fato parece ser um livro super envolvente com esse mistério que cerca a história. Adicionei na minha lista de desejados <3

Sai da Minha Lente

Larissa Dutra disse...

Olá, tudo bem? Menina, eu tinha lido algo sobre esse livro esses dias, mas não lembrava o nome dele. Parece ser mesmo uma obra muito envolvente e com um final surpreendente. Adorei tua resenha, minha curiosidade só aumentou!

Beijos,
Duas Livreiras

Bruna Costabeber disse...

Oi Day,
Quando vi esse lançamento, fiquei bem curiosa para fazer a leitura. Adorei conhecer suas impressões, pois vi que não vou me decepcionar com esse livro. Adorei a maturidade da protagonista e a questão de termos um mistério pelo sumiço de Eddie. Não sei até que ponto a insistência da Sarah não me incomodaria, mas acredito que o conjunto vai fazer cada página valer a pena.
Vou anotar a dica.
Beijos

Beatriz Andrade disse...

Desde que vi a capa desse livro eu tenho a maior vontade em ler, mas ver a sua resenha sobre ele me deixou ainda mais empolgada. Eu gosto muito de livros que me façam sentir a história e acho que é exatamente o que vai acontecer quando eu for ler esse. Talvez alguns pontos possam me incomodar um pouco, mas ainda assim acho que vale a pena a leitura.

Camila disse...

Ai, caramba, menina!!
Fiquei mega curiosa para saber o que acontece nessa história.
Que doidera!! Acho que é daqueles livros que não dá para largar, né?! Ainda mais quando é cheio de reviravoltas como você comentou!!
beijos
Camis - blog Leitora Compulsiva

Karine Fernandes disse...

A eu ganhei o VIB desse livro também mas ainda não li, na verdade eu ando mais lenta para ler desde a Bienal, vai saber, enfim. Eu gostei bastante de conferir sua resenha só me deu mais vontade de conferir a leitura e ver o que achou.

Beijos

Bianca Ribeiro disse...

Aí que profundo!
Eu já tinha visto muita gente falar desse livro e sempre achei o título super impactante. Deve ser um livro lindo, mas que deve dar uma certa agonia de ler pelo fato dos segredos e tal, mas fiquei com muita vontade de ler!

Parabéns pela resenha!

Alem de uma Prateleira disse...

Quando eu li a sinopse, eu já curti bastante o livro. Depois da sua resenha eu fiquei encantada por ele. Mesmo não lendo o livro eu já fiquei aqui torcendo por Sophia e que Eddie não tenha sido canalha com ela. Eu sou uma pessoa que não consigo imaginar um final triste para um livro.

Vou anotar para comprar nesse final de ano. Beijos

Maria Paula de Barros disse...

Oi!

Eu nunca tinha visto esse livro e é a primeira vez que vejo falar sobre, porém confesso que fiquei curiosa. Adorei como você coloca(o que pelo visto é a base do livro) que não é nós que ditamos o tempo certo para as coisas. De fato, estou bastante curiosa!

Amei o quote do final!

Beijos,
Blog Diversamente

Polly - Entre Livros e Personagens disse...

Olá, tudo bom?
Estou louca para conferir esse livro desde que soube de seu lançamento e do material de divulgação que a editora enviou com os lencinhos! Amo livros que me fazem chorar! Fiquei curiosa em relação a esse término abrupto e para descobrir o que levou a ele. Outro ponto que fiquei curiosa é a respeito desse final surpreendente. Espero poder ler em breve ♥
Beijos!

Maria Luíza Lelis disse...

Oi, tudo bem?
Fiquei bastante curiosa para ler esse livro desde que o Grupo Editorial Record anunciou seu lançamento. Achei a premissa muito interessante e acho que é um livro para mexer com as nossas emoções. Além disso, fiquei muito curiosa para saber qual a explicação para o Eddie não ter mais dado notícias. Já estou ansiosa para ver se esse final irá me surpreender também.
Adorei sua resenha e quero muito ler esse livro em breve.
Beijos!

Alice Duarte disse...

Oiii Day

Eu sou super curiosa com esse livro porque quero saber porque ele partiu de maneira abrupta, já imagino que deve ser um desfecho tenso, imprevisivel e sinto que triste também. Eu tenho o titulo já anotado e espero conferir em breve.

Beijos

www.derepentenoultimolivro.com

Kira disse...

Nossa, comecei a gostar do livro pela capa! kkkk

Parece realmente um livro muito interessante, vou anotar a dica aqui para a lista literária, obrigada pela dica ♥

Beijos!

Ana Caroline Santos disse...

Olá, tudo bem? Ah parece ser uma história bacana. Gosto quando os livros traz um ar de mistério, onde entramos na pele do personagem. Não sabia muito sobre o mesmo, mas fiquei bem curiosa. Sua resenha está ótima!
Beijos,
http://diariasleituras.blogspot.com.br

Aline Coelho disse...

Não conhecia esse livro mas suas impressões conseguiram me deixar curiosa. Apesar de eu estar evitando dramas, meu ano foi bem difícil por problemas de família (doença, depressão etc) uff. Aí estou lendo histórias mais leves. Mas irei anotar sua dica para um momento em que eu estiver mais fortalecida.
Parabéns pela leitura e pelo texto, beijos.

kênia Cândido disse...

Oi Dayhara.

Eu não conhecia este livro e pela sua opinião parece ser um livro muito bom de ler. Adoro tramas com várias revelações e quero acompanhar essa história para descobrir o quê Sarah fez. Parabéns pela resenha. Dica anotada.

Bjos
https://historiasexistemparaseremcontadas.blogspot.com/

MISS - Menina Irreverente, Sabida e Socrática disse...

Eu simplesmente me apaixonei por essa história! Já foi direto para o topo da minha lista de desejados.
Amo romances e este me pareceu ser bem diferente e me passou a impressão de que é uma história bem envolvente e que flui.
Gratidão por essa valiosa sugestão!

Karini Couto disse...

Tudo bem?
Achei a trama bem densa, cheia de reviravoltas e muitos sentimentos que transbordam.. A busca de Sarah por Eddie pra mim foi um pouco intensa demais, mas no fim entendi os sentimentos dela e o que a motivou a buscar por ele incansavelmente. Eddie foi por um período um grande mistério que eu quis desvendar tanto quanto Sarah. E no meio disso Rosie Walsh trouxe outros personagens intrínsecos e maravilhosos!

Beijos.

Karini Couto
Além das Páginas.

Jéssica Melo disse...

Olá, eu não conhecia esse livro, mas pelos seus comentários o enredo parece estar bem emocionante mesmo, gosto quando os protagonista saem do padrão e são um pouco mais velhos, trás sempre uma perspectiva diferente *-* Dica anotada.

Nina Spim disse...

Oi, tudo bem? Confesso que o amor romântico é algo meio distante de mim na literatura ultimamente, mas gostei da sua reflexão, também acho que é importante entendermos que cada pessoa tem o seu próprio tempo. Felizmente, eu aprendi isso nos últimos anos e sou a primeira a defender que ninguém é obrigado a retribuir o que for, porque existe tanta coisa por trás de uma pessoa, né. Tem gente que não tá preparada para receber amor, assim como não tá preparada pra dar amor - e tudo bem. A narrativa romântica não me atraiu tanto, mas gosto de narrativas dramáticas, então provavelmente leria esse livro facilmente. Aliás, obrigada pela dica! Vou deixá-lo na wishlist da Amazon! :)

Love, Nina.
www.ninaeuma.blogspot.com

Wesley Italo disse...

Desde que vi o lançamento desse livro estou ansioso para lê-lo, pois, a premissa da obra me agrada bastante. A parte trágica e emocionante do enredo me parece ter um bom desenvolvimento e não vejo a hora de ler. Beijos do Wes ^^

Mara Santos disse...

Oiiii... Primeira vez que leio uma resenha desse livro e sério, preciso ler e saber o que aconteceu parao Eddie sumir do mapa! Adoro história que nos emociona e traz lições e pontos para se refletir e me parece que esse livro é exatamente assim! Amei a resenha!

Ivi Campos disse...

Duas coisas me animaram demais na leitura deste livro: a primeira é que eu já fui voluntaria e me vestia de palhaço para fazer visitas e companhia em hospitais e asilos e a segunda é que o final tem reviravolta e eu já estou me consumindo de curiosidade para conhecer a história toda.
Beijos

Postar um comentário

 
© Uma dose de Cacto - janeiro/2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Dear Maidy. Tecnologia do Blogger.
imagem-logo