Posts Recentes

RESENHA Um Verão na Itália

15 de maio de 2018


Eu pensei que minha ressaca literária não seria curada tão cedo mas meus amigos... Ela durou só uma semana porque Cesca chegou para me salvar e me transportar diretamente para a Itália! Um verão na Itália vai ganhar resenha com capa gringa mesmo, porque ele tem previsão de lançamento para junho, mas veio na caixinha especial do VIB, uma fofura que só.

Cesca é a típica mulher que só se dá mal na vida, ela coleciona demissões, não tem dinheiro para o aluguel e se sente perdida. Essa maré ruim já dura seis anos, desde quando ela era uma jovem roteirista com um futuro promissor até o ator principal de sua peça abandonar tudo na véspera e por conta dele todo o projeto ser cancelado. Depois disso Cesca nunca mais escreveu nada, afundou-se nesse trauma e nunca mais se reergueu. E foi assim que a vida de Cesca acabou, graças ao abandono de um irresponsável ela desistiu de seu sonho, mas seu padrinho pode ajudá-la, mexendo seus pauzinhos no mundo teatral ele consegue uma vaga de emprego para sua afilhada em uma vilazinha afastada na Itália, ela só precisa cobrir as férias dos caseiros e enquanto isso pode usar o belo cenário para tentar recuperar o seu talento na escrita.

Já Sam... O belo ator de Hollywood, que faz todos caírem aos seus pés dessa vez se deu mal, por conta de uma fofoca e tabloides sensacionalistas ele está com fama de canalha/homem britadeira e precisa fugir disso tudo, só quer um pouquinho de paz e resolve ir para a casa de descanso dos pais na Itália. 



Sim, é isso mesmo que você está pensando. Sam é o rapaz que abandonou a peça de Cesca e acabou com a sua vida, mas ele também é o homem que vai importuná-la o verão inteiro, porque assim como ela, ele precisa de paz, mas a verdade é que nessa história, ambos são o inferno e o céu um do outro.

Acompanhar o desenrolar dessa história é uma delícia! Cesca passou por muita coisa ruim, desde a morte de sua mãe as coisas só pioraram, ela se apega em suas irmãs e padrinho para se manter firme, mas tudo ao seu redor está desmoronando e essa oportunidade de emprego parece ser a única saída, talvez esse seja o melhor momento para ela superar o seu trauma e escrever novamente, Cesca só não contava que o motivador disso tudo iria conviver com ela.

Já Sam... Que homem! Ele é educado com a nossa protagonista desde o início, mesmo com ela o atacando o tempo todo, porque o reconheceu imediatamente, ele mantém a postura, metade das coisas que respondia era só para irritá-la, mesmo com um pai babaca, uma família distante e toda a fama que pode corromper o ser humano, Sam segue sendo um homem incrível e que teve seus motivos para abandonar aquela peça no passado, ele só precisa fazer Cesca entender isso.

A narrativa é em terceira pessoa e um amor só, temos aqui o clichê que dá certo, mocinho e mocinha que se odeiam, um trauma para superar e muita paixão, a diferença é que a autora soube trabalhar isso tão bem e trabalhar tão lindamente com o cenário italiano que me peguei desejando um vinho no final da leitura, pois é meus amigos. Cesca e Sam inicialmente não são um casal, há muita coisa em jogo, o trauma de Cesca, o medo de Sam, a fama, as diferenças sociais, a culpa, mas acima de tudo existe amor, não importa para onde Cesca fuja, ela e Sam acabam sendo como dois imãs que funcionam apenas unidos. 

Carrie trabalhou muito bem o cenário no italino, tudo é tão detalhado que montar a imagem dessa vilazinha se tornou algo fácil, ler essa história se tornou prazeroso justamente por isso, eu me sentia explorando o interior da Itália enquanto o romance acontecia. 

Esse é o primeiro livro dá série As irmãs Shakespeare, onde cada livro vai contar a história de uma das irmãs, mal posso esperar pelo segundo, Cesca ganhou um espacinho em meu coração mas há espaço para mais três irmãs.
"Ele estava certo; ela sabia que estava. Era loucura quão pouco ela tinha a perder. Há um ponto na vida em que ou você aceita que as coisas nunca vão melhorar, ou assume a direção e realmente começa a pensar para onde está indo. Sentada ali naquele apartamento em Londres, Cesca percebeu que esse era o momento para ela." 
Título: Um Verão na Itália
Autora: Carrie Elks
Editora: Verus Editora
Nº de Páginas: 282
Sinopse (adaptada): "Cesca Shakespeare atingiu o fundo do poço. Seis anos depois da peça que ela escreveu, bombardeada nas bilheterias, ela é incapaz de manter um emprego, manter um apartamento, e o pior de tudo, sua família não tem ideia de quão longe ela está. Então, quando seu padrinho lhe oferece um emprego na Villa italiana de seu amigo durante o verão, ela concorda, relutante, em tentar escrever uma nova peça. Isso antes de descobrir que a casa pertence ao seu maior inimigo, Sam Carlton. Quando o coração pulsante de Hollywood, Sam Carlton, vê seu nome espalhado em um pano de fofoca, tudo o que ele quer é se esconder. É assim que ele se viaja para a Itália, decidindo passar o verão na vila vazia de sua família. Exceto quando ele chega, não é tão vazio quanto ele esperava. Ao longo do quente verão italiano, Cesca e Sam têm que lidar com seus passados. O que começa como uma tentativa de amizade rapidamente se transforma em uma atração intensa - e, em seguida, uma aventura escaldante. Mas eles não podem se esconder da realidade para sempre. Enquanto seus mundos diferentes colidem, Sam e Cesca enfrentam uma escolha: isso é apenas um romance de verão, ou o amor deles poderia resistir até mesmo aos ventos mais frios?" *Exemplar cedido em parceria com a editora.
Todos os direitos reservados 2019 |
Desenvolvimento por: Espalhando Bonitezas - Web Design
Para o topo!